Notícia
Traça - Mostra de Filmes de Arquivos Familiares


Mostra de filmes em que se pretende dar a conhecer alguns dos filmes amadores, caseiros, oriundos de arquivos familiares, feitos na cidade de Lisboa ou por lisboetas.

O Arquivo Municipal de Lisboa – Videoteca dedica-se, para além das atividades de produção e programação, à recolha, inventariação e divulgação das imagens em movimento feitas na e sobre a cidade de Lisboa.

 Nesse contexto, o Arquivo Municipal de Lisboa | Videoteca organiza a partir de 2015, uma Mostra de Filmes de Arquivos Familiares - TRAÇA, com a qual pretende dar a conhecer alguns dos filmes amadores, caseiros, oriundos de arquivos familiares, feitos na cidade de Lisboa ou por lisboetas. São filmes misteriosos, muitos deles de origem incerta, muito puros e diretos, que permitem acompanhar, através de histórias íntimas, a história da cidade ou do país.

 Em cada edição a TRAÇA terá um formato diferente, e será movida por um tema ou uma questão encontrada nos filmes que a recebemos. Porém dois princípios estarão sempre presentes: a Mostra será um lugar de ação, experimentação e reorganização de filmes do arquivo, e também de projeção dos mesmos em estado bruto.

 Na primeira edição da TRAÇA, existirão assim dois momentos: um associado ao Fitas na Rua, uma programação de cinema ao ar livre que anualmente projeta filmes associando-os a diferentes espaços públicos de Lisboa, e outro, como espaço de conversa com realizadores.

 No primeiro momento, cada sessão do Fitas na Rua iniciar-se-á com a projeção de um pequeno filme feito por um realizador convidado, a partir de algumas imagens do nosso espólio. Em 2015 os realizadores convidados são: Catarina Alves Costa, Edgar Pêra, José Filipe Costa, Manuel Mozos, Margarida Cardoso, Margarida Leitão, Jorge Cramez e Susana Nobre.

 Num segundo momento, e em colaboração com o Condomínio - Festival de Cultura Local em Espaços Habitacionais, a TRAÇA ocupará várias casas privadas, devolvendo assim estas imagens íntimas ao espaço que lhes é próprio. A TRAÇA será lugar de conversa com estes realizadores, e de projeção das imagens que estiveram na origem dos seus filmes.

 A recolha de filmes de arquivos familiares é permanente e os mesmos, além de poderem ser vistos no âmbito da TRAÇA, estão disponíveis para consulta e estudo no Arquivo Municipal de Lisboa - Videoteca.

Mais informações aqui aqui

Página Oficial da Traça aqui

Spot da Traça aqui